Receba dicas grátis!

Capacetes para bike: O que você precisa saber na hora de escolher um

Young man riding a mountain bike downhill style

Young man riding a mountain bike downhill style

Apresar de não ser obrigatório, o capacete é um equipamento muito importante para a segurança do ciclista. A escolha e uso correto deste acessório pode salvar uma vida! Muita gente não sabe, mas as primeiras utilizações deste assessório por ciclistas foram registradas no início do século XIX.

Porém, o capacete para bike como conhecemos, só começou a ser fabricado na década de 1970, quando a Bell Helmet Company criou o primeiro protótipo unindo o poliestileno e o isopor. Uma década depois o produto começou a ser usado no Brasil, principalmente pelos adeptos de Mountain bike.

Na hora de comprar um capacete para bike, é preciso se atentar a alguns detalhes. Separamos algumas dicas para você cumprir esta missão e aproveitar todas as manobras na bike com segurança.

Os três principais tipos de capacetes para bike

O uso de cada um dos tipos de capacete para bike que você conhecerá depende do gosto do ciclista ou do tipo de modalidade que ele pratica com a bicicleta.

#1. Full Face

Os capacetes full face que são aqueles totalmente fechados, similares aos de moto. Normalmente, eles são utilizados em situações mais radicais, como o “Downhill” ou “Bike Free style”.

#2.Capacete para bike aberto

Esse pode ter “pala” dianteira ou não. Os abertos com pala dianteira são mais indicados para o Montain Bike, o ciclismo urbano e o de recreação. Esse é o tipo de capacete para bike mais comum. Já os abertos sem pala são mais utilizados pela turma do “speed” e que pega a estrada.

#3. Aerodinâmicos

Os capacetes para bike aerodinâmicos são utilizados pelos praticantes de triatlo e “contra relógio”, onde é preciso um maior esforço para reduzir o arrasto pelo ar. Esse modelo é próximo aos que os skatistas usam. Os ciclistas do esporte conhecido como “urban assault” também o usam bastante.

Modelo compatível com o orçamento

Na hora de adquirir seu capacete para bike, analise seu orçamento. Lembre-se que quanto mais leve, resistente e arejado for modelo, mais caro será. Na hora de escolher tente levar em conta as entradas de ar e o conforto na hora do uso.

É certo que alguns protótipos sãos mais indicados para competições, mas mesmo que você seja apenas amador e pratique o ciclismo como hobby, procure comprar o melhor capacete para bike que puder. Não é apenas questão de estética, mas de segurança.

Reposição é importante

Uma informação muito importante é que altamente recomendável repor ocapacete para bike após eventuais quedas, mesmo que ele não mostre grande dano ou avaria. Ele pode ir perdendo força, depois de ir se deformando conforme absorve o impacto. Por isso também nunca compre um usado, e sempre confira o prazo de validade do seu, que vem gravado no corpo da peça.

Hoje você não precisa necessariamente ir a uma bike shop para escolher o seu  modelo de capacete para bike. A internet oferece uma grande variedade de modelos, por preços e frete bastante acessíveis, além de entrega rápida.

Quer receber mais dicas para aproveitar a sua bike com segurança? Assine nossa newsletter e receba mais conteúdo como este!

Adicionar comentário