Receba dicas grátis!

Você sabe o que é Café Racer? Conheça 6 modelos clássicos

Café Racer

Febre entre os jovens dos anos 1960, as Café Racers eram usadas para “competições” entre os motociclistas quando estes se deslocavam de um café a outro para se encontrar com amigos e ouvir rock and roll. Com características marcantes e um estilo que marcou época, as motos se tornaram clássicas e até hoje são as queridinhas de muitos pilotos. Ficou curioso para saber o que é Café Racer?

O que é Café Racer?

Elas foram febre entre a juventude inglesa dos anos 1960 e tinham um estilo bem marcante. Com um design característico, elas eram motos leves, de guidão curto e tanque de combustível na parte da frente do banco. O conforto não era a principal característica das motos Café Racer, pois o corpo do piloto ficava bastante curvado por causa do nível do guidão em relação ao banco. No entanto, o que chamava mesmo a atenção para elas era o desempenho, algumas chegavam a alcançar 160km/h.

Confira alguns modelos clássicos de motos Café Racer que marcaram época:

1. Triumph  

Conhecidas por terem um dos melhores motores da categoria, as motos Triumph eram muito populares e tinham uma legião de adeptos. De pneus mais grossos e características mais robustas, o modelo tinha um tanque de combustível mais saliente que outras marcas e o guidão alcançava uma altura mais confortável para os pilotos.

2. Norton

Um dos modelos mais utilizados, as motos Norton eram destaque por terem os melhores quadros da época. Com os detalhes cromados e o tanque um pouco mais reto, o modelo tinha um visual mais despojado.

3. Triton

Uma das principais características dos motociclistas da época era a paixão por criar seu próprio modelo para competir nos Café Racers. A Triton é um ótimo exemplo disso, ela era uma mistura entre a Triumph e a Norton, tendo o melhor de cada uma delas. Da Triumph ela levava o motor potente e, da Norton, o quadro, considerado o melhor da época.

4. BSA

Considerada uma versão mais popular, ou seja, mais barata e acessível para um público com menos dinheiro, as motos BSA tinham um dos melhores quadros da categoria. Com capacidade apenas para o piloto, o tamanho da moto era mais curto e o tanque mais saliente.

5. Norvin

Outra moto feita a partir do melhor de outros dois modelos, a Norvin possuía o motor da Vincent e o quadro da Norton. Com um dos guidões mais baixos da categoria, um estilo robusto e pneus menores e mais estreitos, a moto tinha um desempenho que conquistou muitos adeptos.

6. Honda

Os japoneses também aderiram ao charme das motos Café Racer. A Honda, com base no design da categoria, desenvolveu um modelo um pouco mais robusto que as motos inglesas. A primeira Café Racer da marca japonesa foi lançada nos anos 1970. Eram motos mais compactas, com um banco mais curto e o guidão mais baixo, fazendo com que o piloto ficasse quase deitado na motocicleta.

Agora que você já sabe o que é Café Racer, que tal conhecer um pouco mais sobre as motos que fizeram história em outras categorias do motociclismo? Confira nossa seleção de motos que revolucionaram o motocross.

Café Racer

Adicionar comentário