Receba dicas grátis!

Verifique o nível de óleo da sua moto antes da competição

Está tudo “ok” para a competição. Inscrição feita, moto limpinha, brilhando e pneu novo, capacete, protetores. Tudo pronto para uma ótima prova. E o óleo? Você verificou? O motor vai rodar em alta rotação, o que significa, que se o óleo estiver baixo, ele pode fundir a qualquer momento, tirando você da prova e ainda dando prejuízo e uma terrível dor de cabeça.

Fizemos este artigo em forma de tutorial para quem deseja aprender a verificar oóleo da sua moto e ser um piloto campeão!

Um jeito fácil de verificar o nível do óleo de sua moto

Para ter uma leitura precisa do nível de óleo da sua moto, siga esses passos.

  • É recomendável observar o nível de óleo da sua moto a cada 1000 km. E não só antes da competição;
  • Para fazer esta verificação, apoie-a sobre o cavalete central. Caso tenha apenas o suporte lateral, coloque-a inteiramente na vertical por alguns segundos;
  • Esquente o motor de dois a três minutos, para que o óleo chegue em todo o sistema de lubrificação interna;
  • Pare o motor. Aguarde alguns minutos e leia o nível pela vareta, ou pela abertura do visor;
  • Se for ler pela vareta, retire e limpe-a e a coloque de novo, só que sem rosqueá-la;
  • nível de óleo da sua moto deve estar entre os indicadores mínimo e máximo. Não podendo estar nem abaixo nem acima deles;
  • nível de óleo da sua moto muito baixo causa danos no motor por falta de lubrificação. O muito alto aumenta a pressão, o que danifica o sistema de lubrificação e aumenta o consumo de combustível;
  • Caso o nível esteja muito baixo, adicione somente a quantidade necessária do óleo;
  • Limpe bem em volta da vareta e das tampas, evitando que entra copos estranhos no motor, como pedrinhas e outros tipos de sujeira.

Atenção: se o nível baixar muito em pouco espaço de tempo, é melhor levar a sua moto no mecânico e verificar se ela está com algum problema. É tolerável baixar até 20% do nível indicado.

Outros cuidados com o óleo

Caso o nível de óleo da sua moto esteja baixo, complete com o mesmo tipo e marca que já estava usando. Pode haver uma variação de viscosidade de marca para marca. Não utilize aditivos, pois eles alteram a qualidade do óleo e afetam na vida útil do motor.

Se o motor da sua moto for dois tempos, ela tem um reservatório que precisa encher igual se faz com o do combustível. Um indicador vermelho avisa quando o nível está baixo. Caso comece a piscar, complete o depósito o mais rápido possível. Tome cuidado para usar óleo específico para o motor de dois tempos.

Nunca ande com o óleo vencido, pois ele perde a viscosidade e aumenta o atrito nas engrenagens do motor, diminuindo consideravelmente a vida útil e podendo até fundir o motor.

Esses são os cuidados que você deve ter com o nível de óleo da sua moto antes de qualquer competição e também no dia-a-dia. A manutenção da motocicleta é muito importante para o desempenho e vida útil dela. Então, tem mais alguma dica para dividir com a gente sobre o que fazer antes de uma competição? Deixe nos comentários!

Adicionar comentário