Receba dicas grátis!

Os 3 destinos mais procurados para viajar de moto no inverno

Biker girl in a leather jacket on a motorcycle looking at the sunset.

Biker girl in a leather jacket on a motorcycle looking at the sunset.

Não existe clima melhor para viajar de moto do que no inverno. As baixíssimas temperaturas neutralizam aquele incômodo do motor esquentando as pernas, o asfalto não absorve tanto calor e, por incrível que pareça, a possibilidade de cair um temporal estraga-prazeres é bem menor. Sem contar que o friozinho é um convite irresistível para conhecer belas paisagens que ficam ainda mais atraentes nessa estação. Se você está a fim de esfriar o esqueleto e planejar desde já sua próxima aventura, conheça agora 3 dos destinos mais procurados para viajar de moto neste inverno, dentro e fora do país:

Monte Verde

O inverno ressalta ainda mais o potencial turístico do distrito de Monte Verde, em Camanducaia, no Sul de Minas, tornando a pequena cidade um ponto de encontro para motociclistas, em especial. A região serrana de extrema beleza se encaixa perfeitamente na realização de trilhas, oferecendo aos aventureiros os mais diversos tipos de terrenos. Além disso, tanto o distrito como a cidade de Camanducaia oferecem pistas para a prática do motocross. E depois de um dia em cima de rampas e montanhas, que tal degustar um pouco da sofisticada culinária mineira?

Campos do Jordão

Localizada no interior de São Paulo, na Serra da Mantiqueira, a cidade de Campos do Jordão, também conhecida como “Suíça brasileira”, oferece a combinação ideal entre moto e turismo. É em Campos do Jordão que está localizado o Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, certamente um dos complexos viários mais seguros do país. A cidade também é famosa por sediar grandes encontros nacionais relacionados ao motociclismo, como o Megacycle. Fique de olho na programação e aproveite os eventos para conhecer e tirar uma casquinha de modelos customizados que detonam as pistas do mundo inteiro. Tá esperando o que?

Patagônia

Essa região natural que abrange partes da Argentina e do Chile é o sonho de consumo de todo motociclista. Não tem como desbravar a Patagônia de moto e continuar sendo a mesma pessoa depois: trata-se de uma experiência de vida. Apesar do clima hostil de ventos fortes, a beleza de cada trecho povoado por animais silvestres e a imensidão da paisagem nos levam à reflexão.  Para que tudo seja perfeito, é indispensável um planejamento minucioso, com dinheiro, agasalhos e até uma barraca de camping resistente à friagem em caso de pane na moto.

E já que estamos falando de frio intenso, para encarar as temperaturas negativas estrada afora sem deixar que seu passeio se transforme em pesadelo na neve, é preciso reforçar os equipamentos de segurança e jamais descuidar dos agasalhos. Para começar, você pode optar por uma roupa impermeável com um forro térmico, como, por exemplo, calças e jaquetas. Para proteger a cabeça, nada melhor do que uma balaclava ou qualquer outro material térmico debaixo do capacete, deixando só os olhos para fora. Completando o uniforme, luvas e botas impermeáveis.  Além disso, é cuidar bem da alimentação para suportar na pele aquela ventania gelada dos primeiros quilômetros e, acima de tudo, se divertir até debaixo d’água.

E então, o que achou desse conteúdo? Gostou das nossas dicas para viajar de moto no inverno?  Está se preparando para por o pé na estrada neste inverno? Já passou muito frio a duas rodas? Compartilhe com a gente as suas experiências e nos ajude a enriquecer esse post!

Adicionar comentário