Receba dicas grátis!

Mitos e verdades sobre motos: você acredita em tudo que escuta por aí?

Zelao-Mitos-e-verdades-sobre-motos-voce-acredita-em-tudo-que-escuta-por-ai

O amante de motocicleta, com certeza, já deve ter ouvido muito mito sobre a sua grande paixão. Em um tempo nem tão distante, por exemplo, falava-se que ao jogar bolinhas de naftalina no tanque de combustível o rendimento da moto aumentavam, assim como sua potência. Balela! Mesmo assim, era comum ver motociclistas apostando no mito e “turbinando” suas motos com as tais bolinhas. A verdade é que a naftalina acabava liberando uma substância que entupia válvulas da moto.

No texto a seguir, veremos alguns mitos e verdades sobre motos, para evitar que você caia em alguma dessas “armadilhas” do mito popular.  Leia com atenção e pegue para você apenas as verdades sobre motos.

Mito ou verdades sobre moto: cuidar da moto significa trocar o óleo a cada 1000 km rodados?

É inegável que manter o lubrificante da moto em dia é de extrema importância. Nos motores de moto, o óleo também atua como refrigerador. O ideal é trocar sempre de acordo com o indicado no manual. Usando a moto regularmente, o ideal é que se troque o óleo da moto a cada 3.000 km. Usando moderadamente, apenas na cidade, dá para esticar a troca até uns 6.000 km.

Mito ou verdades sobre moto: frear em emergências usando só o freio traseiro é mais seguro?

Outro mito! Use sempre o freio dianteiro. Frear apenas com o freio traseiro pode significar um tombo enorme. Na reta, use os dois freios, na proporção de mais ou menos 70% na frente e 30% atrás. Já na curva, o melhor é frear forte e depois de aliviar a frenagem.

Mito ou verdades sobre moto: graxa na corrente preserva a lubrificação por mais tempo?

A graxa e o grafite em pó são excelentes lubrificantes, mas não ajudam a conservar sua corrente. A graxa não penetra direito nos eixos da corrente e pode acumular poeira e areia. O grafite pode ser ótimo para fechaduras, mas junto com a graxa não ajuda muito. O mais recomendável para manter a sua corrente lubrificada e conservada por mais tempo é usar o lubrificante indicados pelas fábricas no manual. Uma dica importante, verdade sobre motos, não mito: antes de passar o óleo, lave a corrente com querosene e pincel.

Mito ou verdades sobre moto: lavar a moto com o motor quente trica o bloco metálico?

Teoricamente, isso até poderia acontecer. Porém, com um choque térmico bastante agressivo, ou seja, mergulhar um motor extremamente quente em uma piscina de água gelada. Porém, não custa se prevenir: espere a temperatura do motor baixar e molhe o bloco de metal gradativamente.

Mito ou verdades sobre moto: os pneus têm validade e, mesmo novinhos, é bom trocá-los?

Essa é uma verdade sobre motos! Os pneus têm data de validade de 5 anos após suas produções. Troque quando esse tempo expirar, mesmo que ele estiver visualmente em boas condições.

Mito ou verdades sobre moto: capacetes têm data de validade?

Capacete não tem data de validade! Porém, uma queda com impacto pode comprometer a estrutura do equipamento. Se houver deformação clara na superfície, troque o capacete!

Agora que você já conhece alguns mitos e algumas verdades sobre motos, fique de olho em nosso blog e se prepare ainda mais para andar com segurança em sua moto. Afinal, na estrada ou na trilha, segurança é fundamental!

Adicionar comentário