Receba dicas grátis!

KTM 250 Duke virá para o Brasil?

Quem é apaixonado por velocidade, sabe bem o que a KTM representa. Mas, se você é novo nisso, este artigo vai contar um pouco sobre o lançamento KTM 250 Duke, dessa empresa que começou lá em 1934, há mais de 80 anos.

Aperte o capacete, acelere os motores e continue lendo, pois o próximo destino é a Áustria. Vamos lá?

Qual é a história da KTM?

Hans Trunkenpolz não imaginava, mas em 1934, ao fundar a sua oficina mecânica, ele também deu início a uma marca que se tornaria histórica alguns anos mais tarde. Três anos depois, Hans partiu também para a venda de motos da DKW e, consequentemente, teve que expandir o seu estabelecimento.

Não demorou muito para que ele se tornasse dono de um dos maiores comércios do segmento do seu estado. O sucesso foi o combustível que motivou Hans a desenvolver sua própria marca de motos. Afinal, a essa altura ele já era conhecido no ramo. Por isso, em 1951, ele acelerou com esse projeto e dois anos mais tarde o modelo KTM R100 foi lançado.

Hoje, a empresa é referência quando o assunto é velocidade. Afinal, não demorou muito para os modelos da marca começarem a fazer sucesso em competições em vários cantos do mundo.

Você está pronto para a corrida?

Falando um pouco sobre a história da KTM, não dá para não mencionar o início da reputação da marca nas competições. E tudo começou no Rally Dakar em 2001, quando a marca austríaca levou o primeiro título na categoria. Na época, o trajeto original era entre França e Senegal.

Hoje, são 17 os títulos consecutivos que garantem a posição de maior campeã da história do Dakar. Seguida de Yamaha e BMW, que vem em terceiro, com seus 6 troféus. Não é à toa que a filosofia Ready to race, traduzida como “pronto para corrida” representa muito a marca em sua essência.

E o lançamento da KTM 250 DUKE?

Ainda seguindo a filosofia Ready to race, a KTM traz para o mercado a linha Duke. Atualmente, os modelos disponíveis são Duke 125, Duke 200, Duke 390, Duke 690, Duke 990, Super Duke 1290 Top speed e o mais novo lançamento: Duke 250.

Entre as novidades estão, primeiramente, o motor monocilíndrico, cuja capacidade saltou para 248,8 cm³ com arrefecimento líquido. Com isso, a potência sai de 25 para 30 cv. As demais características continuam as mesmas em relação aos modelos KTM Duke 200 e 390.

Mas, afinal, a KTM 250 DUKE virá para o Brasil?

Apesar das expectativas estarem altas, no momento ainda não há previsão de lançamento no mercado brasileiro. Por isso, se você já não vê a hora de poder pilotar essa belezinha, é melhor ter fé.

Segundo a importadora da KTM no Brasil, a Dafra, apesar de trazerem algumas unidades, elas não necessariamente serão vendidas. Os fins são apenas testes de componentes.

Entretanto, não dá para saber do futuro, né? Sempre existe a chance de uma mudança nos planos. Para saber de qualquer novidade sobre a KTM 250 Duke e todo o universo do automobilismo, siga acompanhando este blog!

Adicionar comentário