Receba dicas grátis!

Fumaça saindo do escapamento da moto? Veja o que pode significar

O motociclista deve entender o suficiente de sua moto para identificar qual problema ela está apresentando em diferentes momentos. O conhecimento básico também reduz os riscos de que ele seja enganado por profissionais ruins, que desejam apenas ganhar dinheiro e podem inventar um problema que não existe para cobrar mais caro.

O escapamento é responsável por eliminar os gases internos formados pela explosão do motor. É um problema comum nas motos a saída de fumaça do escapamento. Você sabe o que significa?

Leia o post e tire suas dúvidas sobre fumaça saindo do escapamento da moto!

O motor e o escapamento da moto

Quando o motor está em perfeito funcionamento, nenhuma fumaça visível sai do escapamento da moto. Tirando a fumaça branca, que se desmancha no ar com rapidez — nos dias em que a temperatura está mais baixa—, outro tipo de fumaça saindo do escapamento é sinal de problema.

Na verdade, a fumaça branca que aparece em dias frios e se dissolve com rapidez pode ser considerada uma “falsa” fumaça branca. Quando o motor esquenta, ela deixa de sair pelo escapamento da moto. Vamos examinar os casos isoladamente.

A fumaça branca

A fumaça branca aparece nas ocasiões citadas acima e também quando o líquido de resfriamento do radiador está sofrendo queima na câmara de combustão. Nesse caso, existe um problema que precisa ser resolvido. É importante lembrar que tanto o cabeçote quanto o bloco do motor apresentam muitas passagens para o fluido de arrefecimento.

A queima do fluido de arrefecimento dentro da câmara de combustão ocorre, na maior parte das vezes, quando uma das juntas do motor está rompida, danificada ou queimada. Essa fumaça branca também produz outro sinal: o nível do fluido de resfriamento tende a baixar muito rápido.

A fumaça azulada

Passemos agora à fumaça azulada, que é mais grave. Uma das explicações para o aparecimento da fumaça azulada é que o óleo do motor está sendo queimado na câmara de combustão. Essa queima pode causar problemas sérios ao motor devido à ausência de lubrificação.

Em outras situações, que chegam a ser mais comuns, a causa da fumaça azulada é que os pistões podem estar muitos desgastados. Essa fumaça é um indício de que o motor necessita com urgência de conserto. O destino dele será a retífica, mas existe solução — isso que é importante.

A fumaça dessa cor apresenta também um sintoma semelhante ao da fumaça branca. Só que não é o nível do fluido de arrefecimento que fica baixando rapidamente, é o nível do óleo do motor. Um dos cuidados que devem ser tomados na análise do problema é que, por ser uma fumaça levemente azulada, ela pode ser confundida com a fumaça branca.

A fumaça preta

A fumaça negra acontece quando o ar e o combustível estão misturados em grande quantidade. O carburador ou a injeção eletrônica está injetando combustível em uma quantidade acima da adequada.

O combustível excessivo penetra na câmara do escapamento da moto ainda no processo de combustão, o que dá origem à fumaça preta. Por outro lado, não é nenhum bicho de sete cabeças encontrar alguma fuligem no interior da tubulação do escapamento. Essa fuligem nada mais é que uma sujeira de cor preta.

Mas, ainda nesse caso, é aconselhável procurar um mecânico para limpar o tubo, analisar as velas de ignição e fazer a regulagem do sistema de alimentação da moto.

Onde há fumaça, há fogo — diz um antigo provérbio. Da mesma forma, onde há fumaça saindo do escapamento da moto, há algum problema. O importante é identificar imediatamente e levar a moto para a oficina mecânica.

Já enfrentou essa situação? Sua moto já expeliu fumaça pelo escapamento? Foi fácil ou difícil resolver a situação? Deixe seu comentário.

Adicionar comentário